terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Saiba como lidar com um cão medroso


Um dos maiores problemas comportamentais que dificultam a aprendizagem do cão no adestramento, é a falta de socialização. Cães que já sofreram traumas (brigas quando filhotes) ou que são muito medrosos, sempre possuem maior dificuldade em se concentrar nas atividades desenvolvidas pelo adestrador.


O medo é um problema grave, que deve ser trabalhado, pois pode trazer consequências desagradáveis. Portanto, o proprietário do animal deve dar uma atenção especial a esse comportamento impróprio.


Nesses casos, começo trabalhando a autoconfiança do cão. São exercícios progressivos de caminhadas associadas a carinhos e petiscos. Fazendo com que o animal comece a se sentir seguro mesmo na ausência do dono. Logo, começamos a trabalhar a sociabilitação do mesmo, onde fazemos a apresentação do mundo ao animal a partir de outro ângulo, sem medo e com total segurança. Sempre tentando desviar a atenção dele do motivo que lhe causa temor e ansiedade, através de brincadeiras divertidas, carinhos e petiscos, gradativamente. A paciência e o amor do adestrador e do dono é fundamental para o sucesso de todos.

Um comentário:

Ângela disse...

Pois é Milene, eu não sei se o problema da Lola é este, mas é muito frequente de ela fazer cocô ou xixi em cima de móveis, camas, quando fica sozinha. Fecho o que posso quando saio mas onde não dá ela faz. Ate que ela tinha melhorado, mas com a reforma da casa parece que ela não se acostumou ainda como o espaço.